Tem horas, que eu gostaria de ser como grande parte das pessoas, não me restringir à sentimentos mais profundos ou verdadeiros. Me relacionar com qualquer cara legal que demonstre algum interesse, mesmo sem estar envolvida afetivamente.
Assim, eu teria por um tempo, alguma companhia para o cinema no fim de semana, alguém pra passear de mão dada.Alguém que me dê carinho e respeito. Alguém que me leve para cama mas, que depois da transa, também durma juntinho. Eu queria conseguir me conformar em ter tudo isso mesmo que não exista, o que, para mim, é o que faz essas coisas terem gosto:a paixão. Eu queria ser como boa parte das pessoas, aceitar o que é apenas conveniente.
Mas,não sou assim…
Apesar de tudo, sou movida a emoção.
Sou feita de sentimentos.
Essa sou eu…

E esse texto foi fruto de uma carência momentânea.
Falta de colo…

Anúncios