O cansaço de uma noite em claro
Se transforma em tristeza
E o sol que invade o quarto
Desperta lágrimas adormecidas
E o cansaço não é só o da noite desperta
É o cansaço de uma existência em suspensão
O cansaço de uma vida não vivida
Estou cansada de sentir
Estou cansada de existir apenas em pensamento
Estou tão cansada…
Demais até para esconder da claridade da manhã
O choro que insiste em brotar
Cansada para represar…
Cansada para resistir…
Eu não quero mais
Eu não quero mais só querer
Eu não quero mais
Estou tão cansada
Preciso viver…

Anúncios