Tags

E a Colombina gostaria de seguir a tradição.
Ser como o leviano arquétipo e aproveitar as carícias de um jovem pirata de brinco de prata. Ou de qualquer outro personagem que encontrasse na avenida.

Mas há sempre o pierrot… Esse arlequim ladrão que roubou, sem esforço, o que nem queria.

Já que não vai usá-lo, caro pierrot-arlequim, será que  poderia devolver o coração da Colombina?

Mesmo ele estando com você, a Colombina pode sentí-lo bater.

Pode sentí-lo machucado.

Devolva-o, para que ela possa fazer curativo.

A Colombina agradece.

Anúncios