sinto falta da época em que teu dia começava nas primeiras horas. era mais fácil não sentir a falta do que não tenho, quando a tua presença não era, às vezes, de relance, percebida. mas uma hora meus olhos passarão a não ver e,assim, desgastando com o tempo, sua imagem perderá o foco. como uma paisagem que se distancia, até que desapareça, no infinito em que se guardam as lembranças…
mas, a vida não é fácil para os que sentem. e,vou ter que aguardar a miopia dos olhos atingir o peito e, assim, desfocar você no sentimento, como se desfoca a imagem no olhar…
é… estou cansada de dizer pela escrita…
estou cansada de precisar escrever…
e às vezes, me pergunto, se alguma vez, já fui musa de alguém?

Anúncios