as paredes do furacão não me prendem
me fazem ganhar o mundo, sem que eu saiba
(e nem me importe) para onde vou
as paredes do furacão não me protegem
abalam estruturas, antes rígidas
revelam o que há por baixo das construções pré fabricadas
ou escondido em florestas escuras
as paredes do furacão são invisíveis, porém verdadeiras
como a própria força da natureza
e estou bem acordada
no centro desse furacão
ainda não tocamos o solo
ainda pairamos, furacão e eu, sobre a paisagem
as paredes do furacão não me prendem
porque eu, também faço parte delas
porque eu, também, sou o furacão
não sei se tudo vai bagunçar de vez
ou se, enfim,tudo será posto em seu lugar
enquanto isso, tricoto, fumo, e olho para o olho do céu…
e flutuo com o furacão
 

Anúncios