Não leve para o lado pessoal
Não é que eu não sinta mais
Mas, sim porque sinto muito
E meu coração já cansou
De doer

Não leve para o lado pessoal
Mas preciso ajudar ao tempo
Na missão de te esquecer

Mon douce adieu en plaid

Minha doce despedida em xadrez
Antes que o doce se perca
Antes que o amargo cresça
E contamine o gostar
Digo adieu

Mon douce adieu en plaid

Minha doce despedida em xadrez
Não leve para o lado pessoal
É amor demais

E meu coração já cansou de doer
O que não sopra aos ouvidos,
Nem chega aos olhos,
Machuca menos…

Adieu, mon douce Pierrot de Flanelle
Mon douce adieu en plaid…

Anúncios