Veio em julho, o inverno adiado por junho. E, nas noites em que estamos distantes, o frio só faz aumentar. Então, eu penso em você e tento te enviar, mesmo de longe, um pouco de calor.  Lembro de sua pele de leopardo me envolvendo por completo. Aconchegante e calorosa. Tento fazer que chegue até você, essa sensação quente que surge no meu coração, toma meu corpo e se irradia por minha alma. Essa sensação que surge por você…

Nessas madrugadas de julho, em que as temperaturas despencam quando não estamos juntos, eu desejo, tão logo, poder te ter novamente em meus braços. Descansando aquecido em meu colo, feito felino selvagem, que após um dia exaustivo de caça, repousa manso e em paz…

Anúncios